por -
8 Dicas de Como Evitar Roubos por Funcionários em Restaurantes
4.86 (97.14%) 7 votes

E-book 7 Ingredientes do Sucesso

Sua equipe de funcionários do seu restaurante está roubando e você não sabe o que fazer? Você está preparado para enfrentar esse problema?

É difícil lidar com a realidade de roubos por funcionários em restaurantes, mas infelizmente essa é uma realidade muito mais comum do que podemos imaginar. Tão chocante quanto parece, 75% dos funcionários admitiram ter roubado pelo menos uma vez de seu empregador.

Na indústria do restaurante por si só, os totais de roubo de empregado é calculado entre  entre US $ 3 e US $ 6 bilhões de dólares  anualmente, segundo a Oklahoma State University  – School of Hotel and Restaurant Administration, .

Falamos muito sobre segurança digital, a importância de manter os nossos dados sempre seguros , e como proteger os sistemas contra hackers e vírus. Mas a triste verdade, no entanto, é que os ataques cibernéticos não são a única força maliciosa capaz de sabotar o seu negócio.

Roubo de funcionários no local de trabalho também é algo que devemos sempre estarmos atentos para evitar. Como já diz o ditado popular: “melhor prevenir do que remediar”.

roubo-restaurante

Na dura rotina do dia a dia de fazer o negócio crescer e gerar mais lucro, mantendo os negócios saudáveis, os donos de restaurantes convivem diariamente com o desafio de diminuir as perdas da empresas especialmente aquelas causadas por furtos, quebra de produtos e desvio de recursos feitos por parte de seus funcionários.

Mesmo se você colocar todos os seus esforços na contratação de pessoas respeitáveis e responsáveis, ainda assim você provavelmente encontrará no meio do caminho algumas pessoas que pensam que têm direito a um “desconto de cinco dedos”.

Oportunidades de roubo dependerão das operações e da configuração do seu restaurante, dentre elas a  oportunidade, associada à falta de controle nos processos, cria um ambiente fértil para roubos internos.

Os empresários devem ter a consciência que estas perdas são abatidas do seu resultado líquido. A maioria acaba não percebendo isso. Um restaurante que tem uma margem de lucro de 20%, na verdade terá que descontar desse percentual as perdas e isso impacta muito o desempenho da empresa.

Se você tem passado por isso o seu Restaurante, continue aqui comigo que eu trouxe 8 Dicas que te ajudarão a saber como lidar com essa situação tão delicada.

1) Uso de celular no horário de trabalho

uso-celular-no-restuarante

Hoje em dia o uso de celular é cada vez mais comum, mas ele não deve ser usado em horário de trabalho em seu restaurante. Pode parecer besteira, mas o fato do funcionário estar usando o seu celular no horário de funcionamento do seu restaurante o deixará distraído  e atrapalhará o funcionamento e  a eficiência em atendimento aos clientes. O resultado disso é menos atendimento, menos eficiência, menos rotatividade e tudo isso resulta em menos lucro para você no fim do dia ou do mês em seu restaurante.

Quando os funcionários utilizam o celular no horário de trabalho, muitas das vezes sem a sua permissão eu sei, tornam a rotatividade mais demorada o que limita o seu faturamento naquele dia ou noite. Costumo dizer para a minha equipe que tempo desperdiçado também significa dinheiro perdido.

Em um bar ou restaurante, ou qualquer negócio no Seguimento de Alimentação & Bebidas há  sempre  algo para fazer.  Por exemplo: as caixas de pizza precisam ser dobradas, os ingredientes da cozinha precisam ser abastecidos, os utensílios e equipamentos precisam ser limpos, etc. Quando essas tarefas são negligenciadas por uma pausa ou uma verificação de telefone celular, sua equipe será rapidamente esmagada durante um turno ocupado com todo o trabalho. A falta de organização pode ser um  grande desvio para os clientes quando o seu tempo de espera são minutos a mais do que está acostumado em um restaurante concorrente. Cuidado para não perder seus clientes para a concorrência e assim diminuir o faturamento mensal do seu restaurante e consequentemente o seu lucro.

Prevenção

proibido-uso-de-celular-no-restauranteExiste duas maneiras para prevenir o uso de celular em horário de trabalho por funcionários de seu restaurante.

Em primeiro lugar, defina uma política para o uso de telefone celular e verifique se ela é aplicada. É muito comum o funcionários ser indisciplinado nesse quesito, então você pode também ter uma mesa  ou uma caixa para os funcionários deixarem o telefone celular no inicio do turno e só poderá pegá-lo durante os intervalos definidos. Coloque avisos para aqueles que violarem as regras será aplicado uma advertência e no caso de reincidência da indisciplina será suspenso.

Em segundo lugar, certifique-se que os funcionários conhecem o código de ética da empresa e estão cientes das atitudes que serão tomadas caso as regras sejam descumpridas. Lógico que você saberá filtrar cada situação desde que previamente acordado.

2) Quando seu funcionário registra propositalmente o produto errado para te roubar

Vamos a um exemplo muito comum de roubo por funcionários de restaurantes: Em uma noite movimentada no bar, um cliente pede uma dose de Grey Goose, que custa R$ 19,90 e paga em dinheiro por essa dose, mas o garçom ou o barman lança no sistema (software de gestão ) como uma dose de Absolut que custa R$ 12,90. Foi cobrado do cliente o valor correto, porém nesse caso o funcionários está “embolsando”  R$ 7,00.

Se esse funcionário tiver essa prática constante pense no final da noite o quanto ele vai ter roubado do seu bar ou restaurante. Como o proprietário do restaurante, você observará que as vendas não refletem o inventário e o movimento do dia. Esta é uma ocorrência comum em bares, restaurantes e em casas noturnas.

Prevenção

A melhor medida preventiva para diminuir ou acabar com esse problema, é o fechamento de caixa as cegas, quando exige que o barman, garçon ou o funcionário responsável pelo caixa no final de seu turno passe todo o valor do seu caixa somado, tanto o dinheiro como comprovantes de transações em cartão, sem notificá-los da quantidade exata de vendas daquele turno naquela caixa registradora. Eles têm que contar o dinheiro e informar o total para o sistema sem saber o valor que é “suposto” ter.

E-book 7 Ingredientes do Sucesso Matheus Lessa

3) Comida e bebida “grátis”

Para algumas pessoas, um freezer cheio de filé mignon e um refrigerador cheio de sobremesas prontas é demais para resistir. O funcionário muitas vezes pensará: se eu pegar só um potinho de sobremesa ou uma peça de filé mignon ninguém vai sentir falta.

Naturalmente, o álcool é também um fator enorme no roubo do estoque de um bar ou restaurante. Além de beber ou tomar garrafas para si, bartenders  ou garçons podem servir doses a mais para seus amigos e clientes favoritos em um esforço para aumentar as gorjetas. Mas pode ficar muito pior do que isso.

Prevenção

Para começar, tranque o estoque tanto de produtos em geral , quanto o de bebidas e compartilhe as chaves com o gerente do seu restaurante ou seu funcionário mais confiável. É indispensável você ter um controle do estoque do seu restaurante e uma prática constate de auditoria.

Além disso, considere um software de gerenciamento de estoque . As opções de tecnologia estão se tornando cada vez mais precisas e práticas.

Para diminuir os delitos cometidos por funcionários, existem alguns procedimentos que podem ser adotados pelas empresas e estes passam por dois aspectos da gestão: envolvimento da equipe e recursos tecnológicos. Se o funcionário se sente comprometido, valorizado e bem remunerado, as perdas tendem a diminuir. Já a utilização de dispositivos de segurança e câmeras para monitoramento, embora em um primeiro momento causem certo desconforto, também são eficientes inibidores do roubo interno.

Aliado a estas medidas, o controle de estoque para bares e restaurantes também é fundamental. A empresa precisa ter procedimentos de entrada e saída de produtos bem registrados e documentar todos os itens do estoque e quantidades de insumos utilizados na confecção dos pratos. Além de ter total controle do fluxo de caixa, com registro de todas as receitas e despesas. O ideal também fazer relatórios periódicos, semanais ou mensais. O que não pode é ficar sem controle.

4) Funcionário ficar sozinho após o fechamento do restaurante

garçom-roubando-restaurante

Em um mundo ideal, você contratou uma equipe de gestão que você confia completamente. Confiou-lhes as chaves do seu restaurante e de todo o estoque de alimentos e bebidas.

Infelizmente, com esta responsabilidade vem grande oportunidade para roubo. Exatamente, tem muitos casos de gerentes, sozinhos no restaurante no final do turno, têm todas as oportunidades para anular as transações em dinheiro que ocorreram durante o dia.

Prevenção

Mantenha sempre o olho bem abertos para todas as transações que ocorrem do seu restaurante, especialmente aqueles feitos após o fim do turno, e que o gerente está aprovando. Seu sistema de venda (software de gestão de bares e restaurantes) deve ser capaz de acompanhar tudo isso para você e torná-lo fácil de ver onde o roubo pode estar ocorrendo. Você vai notar imediatamente se uma pessoa está anulando transações com freqüência e se eles estão fazendo isso em horários estranhos.

5) Recibos reutilizáveis em seu restaurante

reimpressao-recibo-restaurante

Este esquema exige precisão e um pouco de sorte, mas mais do que alguns ex-bartenders anônimos com quem falei relataram que viram isso acontecendo em seu restaurante.

Um cliente chega ao bar e pede uma Heineken, por exemplo – uma bebida freqüentemente solicitada. O barman imprime o recibo e o cliente paga em dinheiro. Em vez de fechar a venda, o barman deixa aberta. Quinze minutos depois, um cliente diferente pede uma Heineken. Em vez de lançar outra venda no sistema, o barman reimprime o recibo do primeiro cliente da venda ainda aberta.

Quando o segundo cliente paga a sua cerveja, a venda original é fechada, deixando o dinheiro daquela primeira venda não explicada e nas mãos do barman.

Prevenção

Existem algumas maneiras de tornar isso mais difícil para bartenders para retirar. Alguns restaurantes exigem um recibo para ser colocado na frente dos convidados após a entrega da bebida, para que cada parte deve ter um recibo na frente deles em todos os momentos.

Você também pode usar seus dados do sistema a seu favor. Mantenha um olho no tempo médio que uma venda está aberta no sistema e que os atendentes estão reimprimindo recibos freqüentemente. Estar ciente destas táticas pode ajudá-lo a farejar qualquer anormalidade nos dados do seu restaurante.

6) Falso cliente que saiu sem pagar do seu restaurante

Cada dia vem sendo muito comum clientes almoçarem ou jantarem e saírem sem pagar a conta. O pior é que já temos casos em que os funcionários do seu restaurante podem tirar proveito desse fato. Numa hora movimentada no restaurante, os funcionários podem alegar que um cliente saiu sem pagar, sendo que na realidade, comeu a sua refeição e pagou em dinheiro. Mas o funcionário ficou com esse dinheiro para si.

Prevenção

A melhor maneira de evitar esse cenário é treinar a si mesmo e seus gerentes para estar ciente de todos que saem e entram no restaurante. Se seu restaurante estiver muito cheio, sempre que for possível, alivie os gerentes de tarefas táticas  para que eles possam ter uma abordagem de imagem maior para o salão. Naturalmente, as câmeras no restaurante são sempre uma opção e podem valer a pena considerar para a resolução e verificação de qualquer tipo de problema.

7) Roubos diretamente do caixa do seu restaurante

caixa-roubando-restaurante

Proprietários de restaurantes que não rastreiam seu relatório de vendas diários são extremamente suscetíveis ao roubo do empregado.

Seus empregados são inteligentes – quando sabem que o dinheiro não está sendo monitorado de perto, alguns podem pegar pequenos valores diariamente como R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 quando eles acham que podem pegar e que não serão descobertos. Isso é muito mais comum em pequenos restaurantes independentes que podem não ter sistemas de controle no local para evitar que isso aconteça ou câmeras de segurança para rastrear o culpado da diferença de caixa.

Prevenção

Felizmente, sistemas de controle de gestão tornam estes roubos um pouco mais óbvios. Quando há uma diferença entre seu relatório de vendas diárias e o dinheiro em seu caixa, você pode começar a investigar imediatamente e perguntar a seus gerente de restaurante se algum funcionário tem tido atitudes diferentes das habituais ultimamente. Com estes sistemas de gestão, você também pode deixar claro que você tem a  precisão no acompanhamento das vendas. Isso pode inibir os funcionários a continuarem com a idéia de pegar esses valores do caixa do restaurante.

8) Erros não declarados por funcionários em seu restaurante

Ei, ninguém é perfeito. E com certeza diariamente acontecem erros no preparo de receitas, pratos e drinks no seu restaurante. Seus garçons e caixas pressionarão o botão errado no sistema, significando que seu convidado recebe batatas fritas quando eles especificamente pediram anéis de cebola. Seu chef de cozinha pode colocar bacon em um sanduíche por hábito, apesar de no pedido estar dizendo: “Sem bacon”, e quando ela percebe isso, ela tem que jogar o pão e começar tudo de novo. Essas situações ocorrem diariamente em seu restaurante e na maioria das vezes você não sabe que isso está acontecendo e ninguém te informa as perdas do dia para você poder contabilizar esse prejuízo diário, imagine o montante desse prejuízo no final de 365 dias?

Prevenção

Cansado de perder o lucro do restaurante de erros? Bem, é difícil evitar totalmente erros em seu restaurante – mas você pode trabalhar para evitar problemas ou mal entendidos após os erros ocorrerem.

Na maioria das vezes, a equipe não vai registrar derrames ou erros, quer porque eles estão envergonhados ou acabem esquecendo realmente. Tranquilize sua equipe de funcionários que os acidentes acontecem, mas que você precisa saber desses erros para dar baixa no estoque do seu restaurante.

Mostre aos seus empregados quanto dinheiro a empresa perdeu no ano anterior por causa de roubo, enfatizando que estes prejuízos poderiam ser revertidos em benefícios aos empregados, como por exemplo, a implantação de sistema de bonificação ou participação nos resultados.


Leia também:

Qual o verdadeiro papel do gerente de restaurante

Faça uma reunião diária com os funcionários de seu restaurante


Informações adicionais para acabar com os roubos por funcionários de seu restaurante

Embora seja uma medida que pode causar mal estar e abalar o clima no ambiente de trabalho, revistar funcionários quando se detecta constantes faltas de produtos, é uma forma de controle que vem sendo cada vez mais aceita pelo Poder Judiciário como um direito de fiscalização do empregador.

O recomendável é que para se evitar qualquer questionamento, sejam incluídos os gerentes e diretores, desde que respeitadas algumas condições. “Os empregados deverão ser revistados por pessoas do mesmo sexo. A revista deve ocorrer sempre na presença de testemunhas (recomendamos o acompanhamento por dois ou mais seguranças do mesmo sexo), em local reservado, a fim de impedir qualquer futura alegação de abusos. Além disso, não devem ocorrer, em hipótese alguma, abusos e situações vexatórias e deve a natureza da atividade justificar a necessidade da adoção do procedimento de revista” orienta o advogado. Ele ressalta que a CLT, em seu artigo 373 – A, VI, veda, de forma expressa, que ocorra a revista íntima nas mulheres.

Caso não observe estas condições ao implantar um sistema de revistas, a empresa, se processada, está sujeita a ter que indenizar o empregado por dano moral, bem como enfrentar problemas com o Ministério Público do Trabalho, com indenização por dano moral coletivo e celebração de Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta – TAC, junto à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego e Sindicato da categoria.

Com relação à instalação de câmeras, lembre-se que estes equipamentos só não podem ser instalados em locais onde o empregado goze de privacidade como banheiros, vestiários, refeitório, sala de descanso, etc. Além disso, os funcionários devem estar cientes de que o local está sendo filmado, o que implica na colocação de avisos em locais de fácil visão. A empresa pode ainda realizar campanha de conscientização, de forma a alertar seus empregados sobre os riscos, especialmente de, caso comprovado o procedimento inadequado, ser aplicada a justa causa.

Parando o roubo do empregado do restaurante

funcionario-restaurante-feliz

Não importa o que você faz para acabar com o roubo dentro de sua empresa, sempre haverá maneiras que sua equipe  pode roubar do seu restaurante. Portanto, também é importante reconhecer as raízes do impulso de roubo de sua equipe.

Se você pode criar um ambiente de trabalho gratificante , onde os funcionários se sentem valorizados e como se fossem donos da empresa, você vai diminuir esse desejo de roubo.

Este comportamento pode ser ditado por diversas situações, entre elas desvio de conduta, um descontentamento com a empresa ou com a chefia, problemas familiares ou financeiros, as chamadas oportunidades ou facilidades apresentadas na empresa, sentimento de injustiça, entre outros fatores.

Se esse artigo te ajudou, compartilhe para ajudar outras pessoas também e deixe seu comentário aqui embaixo!

 

banner-ebook-7ingredientesdosucesso