por -
Como escolher o software de gestão de restaurante
5 (100%) 1 vote

Ebook-do-Matheus-Lessa

Escolher o software de gestão de restaurante ideal sem dúvidas não é uma tarefa fácil. Aliás, para um empreendedor que possui tantas demandas no dia a dia, essa escolha pode parecer ser uma das menos importantes, mas acredite: ela é determinante para o sucesso do negócio, por isso separamos nesse artigo 5 dicas a respeito, para te ajudar a tomar a melhor decisão para o seu caso.

Descubra todas elas no decorrer da leitura. E se ficar com alguma dúvida, basta clicar no link no final da página para entrar em contato e conversar com a nossa equipe.

Por que ter um software de gestão de restaurante?

Antes, que tal refletir um pouco sobre a importância de ter um software em seu estabelecimento?

Acredite: essa é uma reflexão necessária, ignorada por muitos donos de restaurante que, mais cedo ou mais tarde, passam a sentir faltar de uma ferramenta que de fato otimize o tempo e permita que algumas tarefas do dia a dia sejam feitas de maneira muito mais rápida. E são justamente esses dois pontos os que mais representam a importância desse tipo de software.

Não se trata de um gasto, mas sim de um investimento necessário para quem realmente deseja prosperar no setor da alimentação fora do lar, permitindo que todas as pessoas da equipe, direta ou indiretamente, ganhem tempo e possam focar no que realmente importa, enquanto pontos importantes funcionam com excelência de forma praticamente automatizada.

E isso não se aplica somente a uma ou outra área do restaurante, mas sobre isso falaremos no próximo tópico.

Dicas de como escolher o software de gestão de restaurante

DICA 1: DETERMINE O QUE VOCÊ DESEJA CONTROLAR

Como mencionado acima, esse tipo de ferramenta é aplicável em diversas áreas, por isso quem busca saber como escolher o software de gestão de restaurante precisa, antes, determinar o que realmente deseja controlar.

Existem, por exemplo, softwares que são focados no controle das vendas, outros que buscam auxiliar na gestão do estoque e, ainda, os que foram desenvolvidos para auxiliar na área financeira dos negócios voltados para alimentação.

Qual seria a sua necessidade nesse contexto? Defina esse ponto com clareza, para então dar o próximo passo.

DICA 2: CONHEÇA TODOS OS VALORES ENVOLVIDOS NESSA ESCOLHA

O segundo ponto que todo dono de restaurante deve avaliar na hora de escolher um bom software é o que essa escolha envolve em termos de dinheiro, afinal, mesmo se tratando de um ótimo investimento, trata-se de algo que não deve afetar seu caixa negativamente.

Questione sobre o valor para aquisição e/ou mensalidade, por exemplo.

DICA 3: QUESTIONE SOBRE A SEGURANÇA OFERECIDA

E, ainda falando sobre questionamentos, não deixe também de questionar e avaliar tudo o que envolve o que você, como contratante, terá de segurança em todos os sentidos possíveis.

A assinatura de um contrato é praticamente obrigatória nesse contexto, mas não pare por aí e se informe também sobre os tipos de suporte que são oferecidos para que você e sua equipe nunca fiquem na mão.

DICA 4: AVALIE SE É UM SOFTWARE FÁCIL DE USAR

Outro cuidado muito importante na hora de escolher um software de gestão de restaurante é avaliar o quão fácil é o uso do mesmo e, mais importante ainda: se o fornecedor oferece treinamento.

Teoricamente, uma vez que se aprende os comandos certos, o uso em si se torna fácil, mas até que esse aprendizado aconteça é importante ter alguém que de fato entenda sobre o produto por perto. Além disso, quando novos colaboradores são contratados o ideal é que esse mesmo alguém se responsabilize por dar um novo treinamento, diminuindo as chances de erros no dia a dia.

DICA 5: DESCUBRA SE O SOFTWARE ATENDE SUA DEMANDA

No início desse tópico falamos sobre escolher um software que atenda uma área específica, determinada por você, mas também é preciso que ele dê conta de atender toda a demanda dessa área.

Um software de gestão de restaurante voltado para o controle das vendas, por exemplo, deve funcionar bem tanto em dias menos movimentados quanto nos dias de lotação máxima, sem travar em nenhum momento, afinal ao travar ele inevitavelmente causaria atraso nos pedidos.

É importante observar, também, o quanto ele irá te ajudar a entender seus próprios números, e quais são as integrações que ele possibilita. Você trabalha com cardápio digital? Então é interessante que o software escolhido seja integrado a esse cardápio, garantindo que o pedido do cliente vá para a cozinha imediatamente.

São dicas bem simples de como escolher o software de gestão de restaurante, não é mesmo?

Basicamente, basta ter atenção e saber fazer os questionamentos certos para garantir o melhor software para o seu negócio. Inclusive no vídeo abaixo há mais dicas a respeito:

Não deixe seu controle financeiro de fora dessa decisão

Mas é claro que uma decisão desse tipo envolve dinheiro, como mencionado na segunda dica, devendo envolver, também, seu controle financeiro.

O que isso significa?

Bem, significa basicamente que somente com uma boa gestão financeira você será capaz de conseguir determinar quando poderá investir em algo, seja um software ou qualquer outra ferramenta ou material para o seu restaurante, e quanto poderá utilizar nesse investimento.

No caso do software em si também será possível encontrar várias opções no mercado, mas mesmo escolhendo a mais barata (desde que ela atenda suas necessidades), é essencial ter um planejamento financeiro, o que só ocorre quando você conhece literalmente todo valor que entra e sai do seu caixa.

Essa pode parecer uma tarefa impossível, mas obrigatoriamente precisa ser feita por qualquer tipo de estabelecimento que lide com vendas, e para os restaurantes se torna ainda mais fácil quando se utiliza as ferramentas certas, como as Planilhas de Gestão Financeira.

Elas foram pensadas para quem precisa controlar o fluxo de caixa e tudo o que é vendido via cartão, tanto débito quanto crédito, e se complementam justamente para que cada empreendedor consiga entender o lucro do seu negócio ao final de cada mês.

Para saber mais sobre elas, entender como funcionam e como podem te ajudar a ter o valor necessário para escolher um software de gestão ou fazer qualquer outro investimento, clique no banner abaixo.

Se ficar com dúvidas, nossa equipe está à disposição aqui.

banner planilhas financeiras matheus lessa